A Cozinha profissional também é machista

cozinha-machistaMeus dias se resumem em esperar chegar terça as 22:30 pra assistir MasterChef. Sim, é meu Reality preferido, amo a forma como a Paola coloca a alma até pra provar a comida, a forma como o Jacquin fala “tompero” e como o Fogaça se tornou meu crush.
Todas as temporadas foram ótimas, porém a temporada de “Maste Chef Profissionais” está surpreendendo pelo alto nível de machismo praticado pelos cozinheiros macho-alfa, o que visivelmente, incomoda até os jurados, em especial Paola!
Desde o início do programa, cenas de inferiorização, agressão verbal e descasos, foram apresentadas, o machismo foi tanto que chegaram a ser desrespeitosos até com a Paola, que precisou de muita imposição e grito pra ter o respeito de alguns competidores homens.
No início do programa, em um desafio que simulava o serviço de um restaurante, Paola foi a chef da prova e teve que se impor muito após ser desafiada pelo competidor João, que descumpriu uma ordem dela (Será que faria o mesmo com Jacquin ou Fogaça?). Neste mesmo programa Izadora diz ter se sentido desrespeitada por Ivo, que foi convidado para AJUDA-LA, mas acabou dominando o lugar dela, mandando nela e sendo grosseiro.
Em outro episódio, quando Dayse é deixada de lado e reclama, Ivo manda ela pegar uma vassoura e varrer o chão se quiser fazer alguma coisa e depois afirma: “Mulheres na cozinha são mais frágeis”, “tem que ter muita paciência”.
E em todos os episódios, em algum momento foi possível ver, principalmente nas provas de equipe, as competidoras sendo ignoradas nos momentos de decisão, gritos e muita vigilância para “garantir” qualidade no serviço.
dayseNuma avaliação dos competidores mais fortes, os homens se citam como os melhores e tanto Marcelo quanto Ivo chegam a dizer que Deyse não está a sua altura. E quando quase não resta mais competidoras na cozinha, Marcelo foca em derrubar Dayse (em vez de conquistar a vitória), e como diz Deyse “A possibilidade de perder para uma mulher, pega para os competidores”.
E pra fechar com chave de ouro, no último episódio, depois de dar ingredientes difíceis para Dayse, Marcelo fica indignado com a possibilidade da competidora ter feito um prato bom e questiona até os jurados  dando a entender que se ela ganhasse, teria algo “errado” e a incrível Paola o convida para provar o prato de Dayse, fazendo o bonzão sair com o rabinho entre as pernas.
Em momento algum, Dayse foi a minha preferida na competição, sendo para Fádia minha torcida e em segundo lugar estava Dário, mas depois de presenciar tanto descaso, sim, ela se tornou a minha queridinha, afinal, passamos a vida ouvindo que lugar de mulher é na cozinha, mas pelo jeito é na cozinha de casa, porque a cozinha profissional é recheada de machismo!

Espero que gostem e reflitam, até o próximo texto, enquanto isso, inspirem, respirem e não pirem!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s